Política

Taxa de isolamento em São Paulo chega a 51% no sábado

0


A taxa de isolamento no estado de São Paulo chegou ontem (23) a 51%, um ponto percentual sobre os dois últimos sábados, mas ainda distante da taxa mínima considerada pelo governo paulista como satisfatória, estabelecida em 55%. Desde o início da quarentena no estado, há dois meses, a taxa mais alta já obtida em um sábado foi no dia 4 de abril, quando alcançou 57%.

Na capital paulista, a taxa de isolamento ontem (23) foi um pouco melhor que a média do estado, ficando em 53%.

Vale lembrar que o estado de São Paulo já contabilizou, até agora, 6.136 mortes provocadas pelo novo coronavírus. O total de casos confirmados chegou hoje (24) a 81.161.

Feriados antecipados

Para tentar melhorar a taxa de isolamento, que tem se mantido baixa desde o início de maio, a prefeitura de São Paulo e o governo paulista anteciparam feriados e criaram um super feriadão na capital, que começou na última quarta-feira (20) e vai até amanhã (25). Na quarta e na quinta passadas, a prefeitura adiantou os feriados de Corpus Christi (junho) e da Consciência Negra (novembro), decretando ponto facultativo na sexta-feira. Amanhã (25), o governo paulista adiantou o feriado de 9 de julho, da Revolução Constitucionalista de 1932.

Com os feriados prolongados, a taxa de isolamento teve uma leve subida. Na quarta-feira (20) e na quinta-feira (21), ela ficou em 49% no estado, caindo um pouco na sexta-feira (22) e ficando em 48%. Na semana anterior, entre os dias 13  e 16 de maio, as taxas ficaram em 47% (quarta-feira), 48% (quinta-feira), 47% (sexta-feira) e 50% (sábado).
 



Site do Autor

Estado do Rio tem 37.912 casos confirmados de covid-19

Previous article

Toffoli é internado para cirurgia e testa negativo para covid-19

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Política