Política

Suzano abre concurso que vai inspirar pintura do muralista Kobra

0


Os alunos das escolas da rede estadual que pertencem à Diretoria de Ensino de Suzano (SP) poderão participar do concurso de desenho com a temática “Cultura de Paz nas Escolas” para compor a pintura do muralista Eduardo Kobra. O evento é realizado pela Secretaria Estadual da Educação, por meio da Centro de Referência em Educação Mario Covas e da Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE).

Os desenhos serão recebidos pelas escolas, de forma virtual, até a próxima segunda-feira (11). Os vencedores serão usados por Kobra como referência para compor o projeto que vai estampar um dos muros internos da Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano.

Os trabalhos serão classificados em três categorias divididas por ciclo de ensino: anos iniciais do ensino fundamental (categoria 1); anos finais do ensino fundamental (categoria 2); e ensino médio (categoria 3).

O desenho deverá ser feito individualmente, com a orientação de um professor, que irá promover o engajamento coletivo na prevenção à violência e ampliar o repertório cultural referente à arte urbana, pintura de mural e representantes dessa modalidade.

Além do desenho, cada aluno terá que produzir um texto, de no máximo 10 linhas, definindo o conceito do trabalho criado, contando qual ideia/mensagem pretende passar e a escolha dos elementos que o compõem.

O processo de seleção dos finalistas será feito em três fases. Na fase escola, o diretor formará uma comissão multidisciplinar para selecionar três desenhos, sendo um de cada categoria. Na fase diretoria de ensino, serão pré-selecionados os desenhos que serão encaminhados para a Secretaria de Educação e, por fim, serão escolhidos os vencedores, com curadoria do artista Eduardo Kobra. Todos os participantes vão receber certificados e os vencedores terão os nomes estampados ao lado da pintura do muralista.

Revitalização da Raul Brasil

A pintura de Eduardo Kobra faz parte do projeto de revitalização da Escola Estadual Raul Brasil iniciada em outubro do ano passado. O projeto inclui a reforma completa da unidade, construção de novas áreas comuns, de estudo, de convivência e administrativas. Inclui ainda a demolição e reconstrução de novas salas de aula, do Centro de Ensino de Línguas (CEL), banheiros e cantinas, além da reforma das salas de leitura e informática.

Foi criada também uma área de 1,5 mil metros quadrados para uso comum, que contará com paisagismo, além de um espaço destinado à prática de esportes, aulas ao ar livre e bicicletário. No prédio principal da Raul Brasil, destaca-se a criação do Espaço de Inovação, laboratório maker equipado com 24 notebooks, smart TV e impressora 3D. A escola também contará com um novo acesso, que não vai mais ocorrer pela Rua Otávio Miguel da Silva.

Em 13 de março de 2019, dois ex-alunos da escola Raul Brasil entraram armados no colégio pela porta da frente, assassinaram seis colegas, dois funcionários e se suicidaram. Desde então, o governo do estado tem buscado acelerar projetos que aumentem a segurança dentro das escolas.



Fonte

Bolsonaro vai com empresários ao STF para pedir retomada da economia

Previous article

Apenas três equipes da NBA devem iniciar treinos nesta sexta

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Política