Política

Sâo Paulo oferece vagas gratuitas em cursos tecnológicos para mulheres

0


O governo de São Paulo abriu hoje (31) 20 mil vagas exclusivamente para mulheres que queiram fazer cursos na área de tecnologia da informação (TI). Os cursos são online e gratuitos e poderão ser feitos por mulheres que residam em algum dos 645 municípios do estado. As inscrições devem ser feitas até o dia 4 de setembro.

São oferecidas quatro opções de cursos introdutórios, que serão ministrados por meio da plataforma da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp). Os cursos têm duração de 80 horas e podem ser concluídos em três meses. As opções são cursos de lógica de programação, banco de dados, desenvolvedor web e desenvolvedor mobile.

As inscrições podem ser feitas no site www.cursosviarapida.sp.gov.br. Podem se inscrever candidatas a partir de 16 anos, alfabetizadas e domiciliadas no estado de São Paulo. Caso o número de inscritas seja superior ao de vagas, terão prioridade as pessoas desempregadas, com baixa renda e com deficiência.

A convocação das candidatas será por e-mail, e a previsão de início das aulas é 14 de setembro. Para receber o certificado, a estudante deve completar a carga horária total do curso e atingir nota média de 7,5 nas avaliações.

Curso avançado

Além de oferecer as 20 mil vagas, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico firmou parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) para disponibilização de 500 vagas em cursos avançados, preferencialmente para mulheres.

Os cursos são em diversas áreas de TI, com duração de 40 e 200 horas. As aulas virtuais serão ao vivo, com material didático e vinculados a uma unidade fixa do Senac. A preferência é para mulheres que já tenham feito os cursos virtuais introdutórios.



Fonte

Inscrições da Fuvest são abertas nesta segunda-feira

Previous article

Mesa Diretora da Câmara discute hoje situação da deputada Flordelis

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Política